“Fazei de mim um instrumento de vossa paz!”

Usado na Páscoa, no Natal, nas Festas do Senhor, nas Festas de Nossa Senhora e dos Santos, exceto dos mártires. Simboliza alegria, ressurreição, vitória, pureza e alegria.

23/01/2018 - Ano: C
Cor Litúrgica: Branco (Saiba porque!)

Onipotente, altíssimo, santíssimo Deus, pai santo e justo, Senhor e rei dos céus e da terra.Por vossa santa vontade e pelo vosso único filho, criastes no Espírito Santo, todos os seres espirituais e corporais, fizeste-nos à vossa imagem e semelhança (Gn. 1,26 - 2,15) e nos colocastes no paraíso e nós caímos por nossa culpa. Rendemo-vos graças, se por vosso Filho nos criastes, pelo mesmo verdadeiro e santo amor com que nos amastes (Jo 17,26) e fizestes nascer, como verdadeiro Deus e verdadeiro homem, da gloriosa, beatíssima, santa e sempre Virgem Maria, e quisestes que nós, cativos fôssemos remidos por sua cruenta morte na cruz. E damo-vos graças porque o vosso mesmo filho há de voltar na glória de sua majestade, para lançar ao fogo eterno os malditos que não quiserem fazer penitência e não vos reconheçam, e dizer a todos: Vinde, benditos do meu Pai, tomai posse do reino preparado para vós desde a criação do mundo (Mt. 25,34). Amém, Amém.