“Fazei de mim um instrumento de vossa paz!”

Usado na Páscoa, no Natal, nas Festas do Senhor, nas Festas de Nossa Senhora e dos Santos, exceto dos mártires. Simboliza alegria, ressurreição, vitória, pureza e alegria.

18/06/2018 - Ano: C
Cor Litúrgica: Branco (Saiba porque!)

Segunda filha de Ortolana e Favarone de Offreduccio, irmã de Santa Clara e da bem-aventurada Beatriz. Nasceu no ano de 1197, em Assis e no batismo recebeu o nome de Catarina. Residiu com a família em Perusa durante os anos 1200 a 1204. Em 1211, logo depois de Clara, deixou tudo para servir a Deus, enfrentando corajosamente o assalto dos parentes que queriam obrigá-la a retornar. Mais tarde, em 1221, partiu para Florença, onde exerceu a função de Abadessa no Mosteiro Monticeli. Colaborou na fundação de Mântua em 1235, juntamente com Irmã Iluminata de Assis e algumas irmãs de Florença. Mais tarde retornou a Monticeli, e depois novamente a Assis, provavelmente no ano da morte de Santa Clara. Morreu a 27 de agosto de 1253, dezesseis dias após sua santa irmã. 

 Oração a Santa Inês de Assis

 Santa Inês de Assis, tu que soubeste viver a total entrega de tua existência ao Senhor, ensina-nos a descobrir o sentido de uma vida de inteira doação. Tu que viveste o silêncio e a oração, ensina-nos a abrir-nos ao diálogo íntimo com o Senhor. Tu que tiveste especial devoção ao Menino Jesus, ensina-nos a acolher em nossa história a plenitude da encarnação de Deus. Tu que seguiste Jesus Cristo Pobre e Humilde, e foste verdadeira mestra de tuas Irmãs, na humildade e docilidade ao Evangelho, ensina-nos a fazer com coragem o discipulado fiel de Jesus Mestre. Tu que realizaste inúmeras curas de pessoas enfermas, através do sinal da cruz, ensina-nos a confiar infinitamente no poder de Jesus Cristo. Intercede junto de Deus, para que Ele nos atenda em nossas necessidades. E que possamos, um dia, na eternidade reunir-nos contigo no louvor e na ação de graças sem fim. Amém.